...

Central de atendimento ao Técnico

0800 016 1515

Generic selectors
Somente resultados exatos
Buscar em títulos
Buscar no conteúdo
Post Type Selectors
Buscar em posts
Buscar em páginas

CONHEÇA O CRT DA SUA REGIÃO:

Generic selectors
Somente resultados exatos
Buscar em títulos
Buscar no conteúdo
Post Type Selectors
Buscar em posts
Buscar em páginas

MEC publica novo Catálogo Nacional de Cursos Técnicos

A nova versão do CNCT é totalmente digital e já está disponível para consulta no site do MEC

O Ministério da Educação lançou o novo Catálogo Nacional de Cursos Técnicos (CNCT), documento que disciplina a oferta de cursos de educação profissional técnica de nível médio para orientar as instituições de ensino,  estudantes, empresas e a sociedade. A nova versão do catálogo é totalmente digital e substitui o último catálogo, que estava vigente desde 2014.

A homologação do Parecer CNE/CEB nº 5/2020 da Câmara de Educação Básica (CEB), do Conselho Nacional de Educação (CNE), que aprova a proposta apresentada pela Secretaria de Educação Profissional e Tecnológica (Setec) para a 4ª edição do CNCT, se deu no último dia 15, pelo Ministro de Estado da Educação, Milton Ribeiro.

O novo catálogo é resultado de consulta pública promovida em junho deste ano, que recebeu mais de mil contribuições para a elaboração do documento. Além da atualização dos perfis profissionais, esta nova edição amplia as informações relativas à Classificação Brasileira de Ocupações (CBO), além de apresentar os pré-requisitos para o ingresso em cursos e também uma lista de termos para facilitar o entendimento do significado de conceitos utilizados na Educação Profissional, Científica e Tecnológica. Entre as principais modificações realizadas, o novo catálogo altera a denominação de 10 cursos e a carga horária de 19 deles, todos identificados por eixo tecnológico; muda o eixo de 3 cursos, indicando o anterior e o novo eixo tecnológico; e inclui 13 novos cursos técnicos e uma série de cursos técnicos na Tabela de Convergência, todos identificados por eixo.

Em palestra no Seminário Internacional dos Técnicos Industriais promovido pelo CFT no ano passado, a Diretora de Políticas e Regulação de Educação Profissional e Tecnológica do Ministério da Educação, Marilza Machado, comentou o processo de atualização do CNCT e a sua importância para o ensino técnico e para o mercado. Segundo Marilza, no novo catálogo foram consideradas, com uma maior veemência, as demandas de realidade prática dos técnicos industriais.

Acesse o catálogo aqui: http://cnct.mec.gov.br/

Últimas notícias

Plenário do CFT homologa resultado das eleições suplementares do CRT-03

Reunião deliberativa virtual do colegiado máximo do Conselho Federal dos Técnicos Industriais (CFT) confirma resultado da eleição da nova diretoria executiva e conselheiros regionais do…
Ler mais...

CFT reforça compromisso com a fiscalização orientativa e educativa

Presidente do Conselho Federal dos Técnicos Industriais (CFT) ressaltou a importância da atividade finalística do conselho de classe em pronunciamento na abertura do Seminário de…
Ler mais...

Parcerias estratégicas que beneficiam técnicos industriais são tema de reunião 

Lideranças do Conselho Federal dos Técnicos Industriais (CFT) e do regional da 3ª região (CRT-03) dialogaram com a Secretaria de Desenvolvimento Econômico, Ciência, Tecnologia e…
Ler mais...

MEC publica novo Catálogo Nacional de Cursos Técnicos

A nova versão do CNCT é totalmente digital e já está disponível para consulta no site do MEC

O Ministério da Educação lançou o novo Catálogo Nacional de Cursos Técnicos (CNCT), documento que disciplina a oferta de cursos de educação profissional técnica de nível médio para orientar as instituições de ensino,  estudantes, empresas e a sociedade. A nova versão do catálogo é totalmente digital e substitui o último catálogo, que estava vigente desde 2014.

A homologação do Parecer CNE/CEB nº 5/2020 da Câmara de Educação Básica (CEB), do Conselho Nacional de Educação (CNE), que aprova a proposta apresentada pela Secretaria de Educação Profissional e Tecnológica (Setec) para a 4ª edição do CNCT, se deu no último dia 15, pelo Ministro de Estado da Educação, Milton Ribeiro.

O novo catálogo é resultado de consulta pública promovida em junho deste ano, que recebeu mais de mil contribuições para a elaboração do documento. Além da atualização dos perfis profissionais, esta nova edição amplia as informações relativas à Classificação Brasileira de Ocupações (CBO), além de apresentar os pré-requisitos para o ingresso em cursos e também uma lista de termos para facilitar o entendimento do significado de conceitos utilizados na Educação Profissional, Científica e Tecnológica. Entre as principais modificações realizadas, o novo catálogo altera a denominação de 10 cursos e a carga horária de 19 deles, todos identificados por eixo tecnológico; muda o eixo de 3 cursos, indicando o anterior e o novo eixo tecnológico; e inclui 13 novos cursos técnicos e uma série de cursos técnicos na Tabela de Convergência, todos identificados por eixo.

Em palestra no Seminário Internacional dos Técnicos Industriais promovido pelo CFT no ano passado, a Diretora de Políticas e Regulação de Educação Profissional e Tecnológica do Ministério da Educação, Marilza Machado, comentou o processo de atualização do CNCT e a sua importância para o ensino técnico e para o mercado. Segundo Marilza, no novo catálogo foram consideradas, com uma maior veemência, as demandas de realidade prática dos técnicos industriais.

Acesse o catálogo aqui: http://cnct.mec.gov.br/