...

Central de atendimento ao Técnico

0800 016 1515

Generic selectors
Somente resultados exatos
Buscar em títulos
Buscar no conteúdo
Post Type Selectors
Buscar em posts
Buscar em páginas

CONHEÇA O CRT DA SUA REGIÃO:

Ética e transparência marcam diálogo promovido pelo CFT

Pauta da 27ª sessão deliberativa do Conselho Federal dos Técnicos Industriais (CFT) reuniu membros do Plenário que assumiram mandatos para a gestão 2022/2026, representantes da Ordem dos Advogados do Brasil (OAB) e auditores do Tribunal de Contas da União (TCU).

O exercício da ética e os mecanismos de controle externo foram debatidos na 27ª sessão deliberativa do Conselho Federal dos Técnicos Industriais (CFT). A pauta marcou encontro entre os membros do Plenário que assumiram mandatos para a gestão 2022/2026, representantes da Ordem dos Advogados do Brasil (OAB) e auditores do Tribunal de Contas da União (TCU). A atividade foi realizada no dia 23 de junho, em Brasília, e contou com a presença dos membros da Junta Governativa do CFT, procuradores e conselheiros federais, titulares e suplentes.

TCU e o controle externo

Dione Mary de Cerqueira Barbosa e Walisson Alan Correia falaram sobre o funcionamento do TCU e principais aspectos de gestão que os conselhos de classe. Na apresentação a secretária de Controle Externo de Administração do Estado e o diretor do Departamento de Fiscalização dos Conselhos de Fiscalização Profissional, explanaram sobre a atuação do processo de controle e de gestão dos recursos públicos federais. Segundo os auditores a missão do órgão é aprimorar a administração pública direta e indireta, em benefício da sociedade. Ambos reforçaram que entre os objetivos da atuação do TCU está a aplicação correta e eficiente dos recursos financeiros arrecadados pelas entidades do Sistema S e pelos conselhos profissionais.

Ética e disciplina e o Processo Disciplinar

O presidente do Tribunal de Ética e Advocacia da Ordem dos Advogados do Distrito Federal (OAB-DF), discorreu sobre o processo disciplinar do Sistema CFT/CRTs e no âmbito geral da administração pública. Antonio Alberto do Vale Cerqueira fez referência ao código de ética da OAB para traçar parâmetros entre os conceitos de ética e as hipóteses de infrações e penalidades as quais técnicos industriais estão e sujeitos e podem ser submetidos.

Antonio Alberto do Vale Cerqueira reforçou que – assim como no exercício da advocacia – os conselheiros e profissionais registrados no Sistema CFT/CFT devem observar código de ética da categoria e atuar dentro dos  limites estabelecidos pela legislação vigente e resoluções aprovadas pelo Plenário da própria autarquia.

Assista aos vídeos das sessões plenárias e as palestras promovidas pelo CFT.

Sobre o código de ética do CFT

O Código de Ética Profissional dos Técnicos Industriais foi instituído pela Resolução Nº 002, de 23 de junho de 2018. O documento estabelece que os princípios éticos da categoria estão amparados pelo objetivo, natureza e eficácia profissional.  De acordo com a normativa a profissão técnica industrial é bem social e cultural da humanidade e deve ser exercida com base nos preceitos de desenvolvimento sustentável.

Últimas notícias

Fiscalização apresenta resultados das avaliações de conformidade

Indicadores das atividades de equipes de fiscalização dos onze regionais que integram o Sistema CFT/CRTs relativos ao ano de 2023, colhidos durante as visitas de…
Ler mais...

CFT prestigia posse no Conselho Federal de Contabilidade

Diretoria executiva do Conselho Federal dos Técnicos Industriais (CFT) participou da solenidade prestigiada por deputados, senadores, representantes do Governo Federal, Governo do Distrito Federal, Tribunal…
Ler mais...

CFT aprimora Plano Nacional de Fiscalização Integrada

Normativa aprovada pelo Plenário do Conselho Federal dos Técnicos Industriais (CFT) modifica a resolução nº 190/2022 para aperfeiçoar as diretrizes de planejamento e execução da…
Ler mais...

Ética e transparência marcam diálogo promovido pelo CFT

Pauta da 27ª sessão deliberativa do Conselho Federal dos Técnicos Industriais (CFT) reuniu membros do Plenário que assumiram mandatos para a gestão 2022/2026, representantes da Ordem dos Advogados do Brasil (OAB) e auditores do Tribunal de Contas da União (TCU).

O exercício da ética e os mecanismos de controle externo foram debatidos na 27ª sessão deliberativa do Conselho Federal dos Técnicos Industriais (CFT). A pauta marcou encontro entre os membros do Plenário que assumiram mandatos para a gestão 2022/2026, representantes da Ordem dos Advogados do Brasil (OAB) e auditores do Tribunal de Contas da União (TCU). A atividade foi realizada no dia 23 de junho, em Brasília, e contou com a presença dos membros da Junta Governativa do CFT, procuradores e conselheiros federais, titulares e suplentes.

TCU e o controle externo

Dione Mary de Cerqueira Barbosa e Walisson Alan Correia falaram sobre o funcionamento do TCU e principais aspectos de gestão que os conselhos de classe. Na apresentação a secretária de Controle Externo de Administração do Estado e o diretor do Departamento de Fiscalização dos Conselhos de Fiscalização Profissional, explanaram sobre a atuação do processo de controle e de gestão dos recursos públicos federais. Segundo os auditores a missão do órgão é aprimorar a administração pública direta e indireta, em benefício da sociedade. Ambos reforçaram que entre os objetivos da atuação do TCU está a aplicação correta e eficiente dos recursos financeiros arrecadados pelas entidades do Sistema S e pelos conselhos profissionais.

Ética e disciplina e o Processo Disciplinar

O presidente do Tribunal de Ética e Advocacia da Ordem dos Advogados do Distrito Federal (OAB-DF), discorreu sobre o processo disciplinar do Sistema CFT/CRTs e no âmbito geral da administração pública. Antonio Alberto do Vale Cerqueira fez referência ao código de ética da OAB para traçar parâmetros entre os conceitos de ética e as hipóteses de infrações e penalidades as quais técnicos industriais estão e sujeitos e podem ser submetidos.

Antonio Alberto do Vale Cerqueira reforçou que – assim como no exercício da advocacia – os conselheiros e profissionais registrados no Sistema CFT/CFT devem observar código de ética da categoria e atuar dentro dos  limites estabelecidos pela legislação vigente e resoluções aprovadas pelo Plenário da própria autarquia.

Assista aos vídeos das sessões plenárias e as palestras promovidas pelo CFT.

Sobre o código de ética do CFT

O Código de Ética Profissional dos Técnicos Industriais foi instituído pela Resolução Nº 002, de 23 de junho de 2018. O documento estabelece que os princípios éticos da categoria estão amparados pelo objetivo, natureza e eficácia profissional.  De acordo com a normativa a profissão técnica industrial é bem social e cultural da humanidade e deve ser exercida com base nos preceitos de desenvolvimento sustentável.