...

Central de atendimento ao Técnico

0800 016 1515

Generic selectors
Somente resultados exatos
Buscar em títulos
Buscar no conteúdo
Post Type Selectors

CONHEÇA O CRT DA SUA REGIÃO:

Decreto que regulamenta a profissão de técnico industrial completa 37 anos

Ato normativo secundário da Presidência da República publicado no ano de 1985 é considerado marco histórico para os técnicos industriais do Brasil.

No dia 6 de fevereiro de 1985 a Presidência da República publicou o Decreto nº 90.922, que regulamenta o exercício da profissão de técnico industrial no Brasil. Passados 37 anos a data é lembrada como um marco histórico para os mais de 650 mil técnicos industriais registrados junto ao Sistema CFT/CRT’s – formado pelo Conselho Federal e os regionais que integram as 27 unidades da federação – pois consolidou um movimento iniciado na década de 60 por professores e alunos de escolas técnicas federais do Estado de São Paulo.

Histórico

Registros históricos apontam que naquela época já era expressivo o número de técnicos industriais exercendo efetivamente a profissão no Brasil. Porém, a falta de desenvolvimento tecnológico inibia a absorção destes profissionais nas atividades produtivas, enquanto que o caráter paternalista dos cursos técnicos desviava os formandos para atividades não condizentes a seus verdadeiros conhecimentos.

Motivados pela busca da valorização profissional os precursores do movimento reivindicaram em Reunião dos Diretores de Escolas Técnicas (Reditec), para que o exercício profissional dos técnicos industriais ganhasse notoriedade e força a sociedade. A medida surtiu efeito e, após a minuta de um projeto de lei ser encaminhada ao Congresso Nacional pelo presidente da República Costa e Silva, em 5 de novembro de 1968, foi promulgada a Lei nº 5.524, regulamentada pelo Decreto nº 90.922/85.

Outro avanço importante ocorreu no dia 26 de março do ano de 2018. Naquele dia a Presidência da República sancionou a Lei nº 13.639/2018, criando o Conselho Federal e Regionais dos Técnicos Industriais (CFT), permitindo a eleição da sua primeira no dia 22 de junho do mesmo e a criação dos conselhos regionais.

Realidade

A profissão regulamentada é considerada a maior conquista dos técnicos industrias. Assim, o 37º aniversário de publicação do Decreto nº 90.922 é lembrado e destacado por lideranças e técnicos industriais como instrumento de promoção e valorização da profissão que oferece importante contribuição para o desenvolvimento social e econômico do País, planejando, supervisionando e executando projetos e serviços em todos os setores da sociedade.

Até dezembro do ano passado o Sistema de Informação dos Conselhos dos Técnicos Industriais (Sinceti), registrou a emissão de mais de dois milhões de Termos de Responsabilidade Técnica (TRT). A diretoria executiva do CFT estima que mais de dois milhões de técnicos atuam no Brasil. Até o dia 25 de janeiro de 2022 o CFT publicou 177 resoluções. A maioria define as atribuições profissionais, os campos de atuação e as prerrogativas do técnicos industriais junto a autarquia federal.

Últimas notícias

CFT realiza Encontro Nacional da Comunicação do Sistema CFT/CRTs

Diretores, gerentes e profissionais do grupo de trabalho da autarquia federal e dos onze regionais estão reunidos para palestras de capacitação, compartilhamento de experiências e…
Ler mais...

Prazo para justificativa eleitoral encerra no domingo

Procedimento pode ser feito online pelo SINCETI, sem necessidade de apresentar motivação, para manter a regularidade do registro profissional. Obrigatoriedade do voto é determinada pela…
Ler mais...

Presidente do CFT realiza abertura da capacitação para diretores, conselheiros e colaboradores do CRT-RN

O Presidente do Conselho Federal dos Técnicos Industriais (CFT), Solomar Rockembach, realizou hoje (6) a abertura da capacitação para diretores, conselheiros e colaboradores do Conselho…
Ler mais...

Decreto que regulamenta a profissão de técnico industrial completa 37 anos

Ato normativo secundário da Presidência da República publicado no ano de 1985 é considerado marco histórico para os técnicos industriais do Brasil.

No dia 6 de fevereiro de 1985 a Presidência da República publicou o Decreto nº 90.922, que regulamenta o exercício da profissão de técnico industrial no Brasil. Passados 37 anos a data é lembrada como um marco histórico para os mais de 650 mil técnicos industriais registrados junto ao Sistema CFT/CRT’s – formado pelo Conselho Federal e os regionais que integram as 27 unidades da federação – pois consolidou um movimento iniciado na década de 60 por professores e alunos de escolas técnicas federais do Estado de São Paulo.

Histórico

Registros históricos apontam que naquela época já era expressivo o número de técnicos industriais exercendo efetivamente a profissão no Brasil. Porém, a falta de desenvolvimento tecnológico inibia a absorção destes profissionais nas atividades produtivas, enquanto que o caráter paternalista dos cursos técnicos desviava os formandos para atividades não condizentes a seus verdadeiros conhecimentos.

Motivados pela busca da valorização profissional os precursores do movimento reivindicaram em Reunião dos Diretores de Escolas Técnicas (Reditec), para que o exercício profissional dos técnicos industriais ganhasse notoriedade e força a sociedade. A medida surtiu efeito e, após a minuta de um projeto de lei ser encaminhada ao Congresso Nacional pelo presidente da República Costa e Silva, em 5 de novembro de 1968, foi promulgada a Lei nº 5.524, regulamentada pelo Decreto nº 90.922/85.

Outro avanço importante ocorreu no dia 26 de março do ano de 2018. Naquele dia a Presidência da República sancionou a Lei nº 13.639/2018, criando o Conselho Federal e Regionais dos Técnicos Industriais (CFT), permitindo a eleição da sua primeira no dia 22 de junho do mesmo e a criação dos conselhos regionais.

Realidade

A profissão regulamentada é considerada a maior conquista dos técnicos industrias. Assim, o 37º aniversário de publicação do Decreto nº 90.922 é lembrado e destacado por lideranças e técnicos industriais como instrumento de promoção e valorização da profissão que oferece importante contribuição para o desenvolvimento social e econômico do País, planejando, supervisionando e executando projetos e serviços em todos os setores da sociedade.

Até dezembro do ano passado o Sistema de Informação dos Conselhos dos Técnicos Industriais (Sinceti), registrou a emissão de mais de dois milhões de Termos de Responsabilidade Técnica (TRT). A diretoria executiva do CFT estima que mais de dois milhões de técnicos atuam no Brasil. Até o dia 25 de janeiro de 2022 o CFT publicou 177 resoluções. A maioria define as atribuições profissionais, os campos de atuação e as prerrogativas do técnicos industriais junto a autarquia federal.